O manual abrange todos os equipamentos (padrao e opcionais) disponiveis para esses modelos

Seat Ateca - Manual de Instruções > Assistente de ângulo morto (BSD) com assistente de saída do estacionamento (RCTA)

Introdução ao tema

O assistente de ângulo morto (BSD) ajuda a detetar a situação do trânsito atrás do veículo.

O assistente de saída do estacionamento (RCTA) integrado ajuda o condutor ao sair para atrás de um espaço de estacionamento em espinha e ao fazer manobras.

O assistente de ângulo morto foi desenvolvido para a condução por estradas de piso firme.

ATENÇÃO

A tecnologia inteligente integrada no assistente de ângulo morto (BSD) com assistente de saída do estacionamento (RTA) incluído não pode ultrapassar os limites impostos pelas leis físicas e só funciona dentro dos limites do sistema. Se se utilizar o assistente de ângulo morto ou o assistente de saída do estacionamento de forma negligente ou involuntária, podem produzir-se acidentes e lesões graves. O sistema não pode substituir a atenção do condutor.

CUIDADO

Aviso

Se o assistente de ângulo morto com assistente de saída de estacionamento não funcionas como se descreve neste capítulo, não o utilize e vá a uma oficina especializada.

Luzes de controlo

Luz de controlo nos espelhos dos retrovisores exteriores:

Acende-se

Acende-se uma vez brevemente: o assistente de ângulo morrido está ativado e pronto para funcionar.

Acende-se

Acende-se: o assistente de ângulo morto deteta um veículo no ângulo morto.

Pisca

Detetou-se um veículo no ângulo morto e adicionalmente acionou-se o intermitente na direção do veículo detetado.

Nos veículos que adicionalmente estão equipados com o assistente de aviso de saída da via, também se ouve o aviso ao abandonar a via, mesmo antes de acionar luz indicadora de mudança de direção (assistente de ângulo morto "Plus").

 

Ao ligar a ignição acendem-se durante um breve período alguns avisos de advertência e de controlo como modo de verificação. Apagam-se após alguns segundos.

Se não houver qualquer indicação por parte da luz de controlo no espelho do retrovisor exterior, significa que nesse momento o assistente de ângulo morto não deteta qualquer veículo no espaço envolvente do veículo.

Quando os médios estão ligados, a intensidade com a que as luzes de controlo se acendem nos espelhos dos retrovisores exteriores atenua-se (modo noturno).

ATENÇÃO

Se não forem tidos em conta os avisos de advertência que se acendem e as mensagens correspondentes, o veículo poderá ficar parado no meio do trânsito e provocar um acidente e ferimentos graves.

CUIDADO

Caso sejam ignorados os avisos de controlo que se acendem e as mensagens correspondentes, poderão ocorrer avarias no veículo.

Assistente de ângulo morto (BSD)

Sistemas de assistência para o condutor
Fig. 192 Nos retrovisores exteriores: indicação do assistente de ângulo morto.

Sistemas de assistência para o condutor
Fig. 193 Vista traseira do veículo: zonas dos sensores de radar.

O assistente de ângulo morto vigia a zona situada atrás do veículo através de sensores de radar Fig. 193. Para isso, o sistema mede a distância e a diferença de velocidade relativamente aos outros veículos. O assistente de ângulo morto não funciona a velocidades inferiores a aprox. 15 km/h (9 mph). O sistema informa o condutor através de sinais óticos nos espelhos dos retrovisores exteriores.

Indicação no retrovisor exterior

A luz de controlo (imagem ampliada) informa, no retrovisor exterior correspondente Fig. 192, sobre a situação do trânsito atrás do veículo se considerar que é crítica. A luz de controlo do retrovisor exterior esquerdo informa sobre a situação do trânsito no lado esquerdo do veículo, e a luz de controlo do retrovisor exterior direito, sobre a situação do trânsito no lado direito.

No caso das janelas coloridas ou com películas coloridas montadas posteriormente, pode acontecer que as indicações do retrovisor exterior não se percebam com clareza ou corretamente.

Mantenha os espelhos dos retrovisores exteriores limpos, sem neve nem gelo, e não os cubra com autocolantes ou semelhantes.

Sensor de radar

Os sensores de radar encontram-se à esquerda e direita atrás do para-choques traseiro e não se veem por fora Fig. 193. Os sensores captam uma zona de aprox. 20 metros por trás do veículo, bem como os ângulos mortos dos lados direito e esquerdo do veículo.

A zona dos lados do veículo estende-se aprox. para além da largura de uma via de circulação.

O largura da via de circulação não se deteta individualmente, está pré-estabelecida no sistema. Daí que se se circular por faixas estreitas ou no meio de duas faixas, as indicações possam ser incorretas. De igual forma, o sistema poderia detetar veículos que circulem pela via de circulação seguinte à do lado (se existir) ou objetos fixos, como as barreiras de proteção, e mostrar uma indicação incorreta.

Situações de condução

Sistemas de assistência para o condutor

Fig. 194 Esquema: A - Situação numa ultrapassagem com transito na parte traseira. B - Indicação do assistente de ângulo morto no retrovisor exterior esquerdo.

Sistemas de assistência para o condutor

Fig. 195 Esquema: A - Situação numa ultrapassagem e incorporação posterior na via de circulação direita. B - Indicação do assistente de ângulo morto no retrovisor exterior direito.

Quanto mais rápido um veículo se aproximar, aparecerá primeiro a indicação no retrovisor exterior, dado que o assistente de ângulo morto tem em conta a diferença de velocidade relativamente aos outros veículos. Daí que, apesar de a distância relativamente a outro veículo ser idêntica, a indicação se mostre em alguns casos antes e noutros mais tarde.

Limitações físicas e inerentes ao sistema

Em determinadas situações de condução é possível que o assistente de ângulo morto não interprete corretamente a situação do transito. Por exemplo, nas seguintes situações:

Assistente de saída do estacionamento (RCTA)

Sistemas de assistência para o condutor
Fig. 196 Representação esquemática do assistente de saída do estacionamento: zona vigiada ao redor do veículo que está a sair do estacionamento.

O assistente de saída do estacionamento supervisiona com os sensores de radar situados no para-choques traseiro Fig. 193 o trânsito no sentido transversal da parte traseira do veículo ao sair em marcha-atrás de um espaço de estacionamento em espinha ou a fazer manobras, por exemplo em situações em que a visibilidade é má.

Quando o sistema deteta um utilizador da via que se aproxima pela parte traseira do veículo Fig. 196, soa um sinal sonoro.

Adicionalmente ao sinal acústico, o condutor é informado através de um sinal visual no ecrã da rádio. Este sinal mostra-se em forma de faixa de cor vermelha na parte traseira da imagem do veículo no ecrã da rádio. A faixa visualiza o lado de nosso veículo pelo que se aproxima o tráfego em sentido transversal.

Intervenção automática nos travões para reduzir danos

Se o assistente de saída do estacionamento deteta um utilizador da via que se aproxima pela parte traseira do veículo sem que o condutor pise o travão, o sistema realiza uma intervenção automática nos travões.

O sistema de saída do estacionamento assiste o condutor intervindo automaticamente nos travões para reduzir danos. A intervenção automática nos travões tem lugar se se circular em marcha-atrás a uma velocidade de 1-12 km (1-7 mph) aprox. Após detetar que o veículo está parado, o sistema mantém-no parado durante aprox. 2 segundos.

Depois de uma intervenção automática nos travões para reduzir danos, têm de decorrer 10 segundos aprox. antes de o sistema poder realizar outra intervenção automática nos travões.

A intervenção automática nos travões pode interromper-se pisando com força o pedal do acelerador ou o pedal do travão retomando assim o controlo sobre o veículo.

ATENÇÃO

A tecnologia inteligente que o assistente de saída do estacionamento integra não pode superar os limites impostos pelas leis da física e apenas funciona dentro dos limites do sistema. A função de assistência do sistema de estacionamento assistido não deverá induzir a correr nenhum risco. O sistema não pode substituir a atenção do condutor.

Utilização do assistente de ângulo morto (BSD) com assistente de saída do estacionamento (RCTA)

Ativar e desativar o assistente de ângulo morto (BSD) com assistente de saída do estacionamento (RCTA) O assistente de ângulo morto com assistente de saída de estacionamento pode-se ativar e desativar acedendo ao menu Assistentes do ecrã do painel de instrumentos mediante os comandos no volante. No caso de que o veículo esteja equipado com câmara multifunções, adicionalmente pode-se aceder mediante a tecla de sistemas de assistência ao condutor situada na alavanca da luz de estrada.

Abrir o menu Assistentes.

Se a caixa de verificação do painel de instrumentos estiver assinalada , a função ativa-se automaticamente ao ligar a ignição.

Quando o assistente de ângulo morto está pronto para funcionar, acende-se brevemente a indicação nos espelhos dos retrovisores exteriores para confirmá-lo.

O último ajuste realizado no sistema permanece ativo ao voltar a ligar a ignição.

Se o assistente de ângulo morto se desativou automaticamente, o sistema só se pode voltar a ativar depois de desligar e voltar a ligar a ignição.

Desativação automática do assistente de ângulo morto (BSD) Os sensores de radar do assistente de ângulo morto com assistente de saída do estacionamento desligam-se automaticamente quando, entre outras coisas, se deteta que um dos sensores está coberto de forma permanente.

Este pode ser o caso se, p. ex., à frente dos sensores existir uma camada de gelo ou neve.

No ecrã do painel de instrumentos aparece uma mensagem a esse respeito.

Condução com reboque

O assistente de ângulo morto e o assistente de saída do estacionamento desativam-se automaticamente e não se podem ativar se o engate para reboque montado de fábrica estiver ligado eletricamente com um reboque ou dispositivo semelhante.

Quando o condutor inicia a condução com um reboque ligado eletricamente ao veículo, aparece uma mensagem no ecrã do painel de instrumentos a indicar que o assistente de ângulo morto e o assistente de saída do estacionamento estão desativados. Uma vez desengatado o reboque do veículo, se se quiser utilizar o assistente de ângulo morto e o assistente de saída do estacionamento, terá de os ativar de novo no menu correspondente.

Se o engate para reboque não estiver montado de fábrica, é necessário desativar manualmente o assistente de ângulo morto e o assistente de saída do estacionamento quando se circular com reboque.

Consulte mais informacao:

 Seat Ateca - Manual de Instruções > Assistente para emergências (Emergency Assist)

Descrição e funcionamento O assistente para emergências (Emergency Assist) deteta se há inatividade por parte do condutor e pode manter automaticamente o veículo na sua via, bem como pará-lo por completo em caso necessário. Deste modo, o sistema pode ajudar ativamente a evitar um acidente.

 Seat Ateca - Manual de Instruções > Modos de condução SEAT (SEAT Drive Profile)

Introdução O SEAT Drive Profile permite ao condutor selecionar quatro perfis ou modos, Eco, Normal, Sport e Individual, que modificam o comportamento de várias funções do veículo, proporcionando diferentes experiências de condução.

 Volkswagen Tiguan - Manual de Instruções (2016) > Transmissão de dupla embreagem DSG: Engatar a marcha

Fig. 138 Veículos com direção à esquerda: alavanca seletora da transmissão automática com botão bloqueador. A alavanca seletora é equipada com um bloqueio da alavanca seletora. Ao trocar uma posição de marcha da posição P para uma etapa de movimento, pise no pedal do freio e pressione a tecla de bloqueio na alavanca seletora na direção da seta → Fig. 138 ou → Fig. 139. Para mudar a alavanca seletora da posição N para a posição D/ S ou R, pisar primeiramente no pedal do freio e mantê-lo pressionado. Fig. 139 Veículos com direção à direita: alavanca seletora da transmissão automática com botão bloqueador.

Manuais